Visite nossa lojinha

Translate

0

"Ser Altruista E Exercitar Auto-Amor"

Autor: Élida Pereira Jerônimo


Em palestras religiosas, motivacionais, familiares, mesmo que o assunto abordado seja diversificado sempre adentram ao mérito de esclarecer/convencer as pessoas a amar e exercitar o auto-amor .

Afinal o que é auto-amor?

Auto-amor é o amor do ser humano pelo “eu”. Ama-se e se aceita como é.

Exercitando o auto-amor o ser humano terá/deverá ter a capacidade de amar as pessoas que o cercam com a mesma intensidade. Amar-se primeiro e depois amar o próximo. É o que apregoa o preceito bíblico: “Amai o próximo como a ti mesmo” (Mateus 22:39).

Mas esta maneira de proceder, em centralizar primeiramente o amor em si, não instiga ao egoísmo/egocentrismo?

De certa forma sim! Deus ensinou a nos amar primeiramente, porque sabe que somos seres dotados de egoísmo, queremos sempre o melhor para nós, agimos em benefício próprio. E quando Ele diz que devemos amar a nós mesmos e ser altruístas, é o mesmo que dissesse: “Vocês tem um amor-próprio imenso, são egocêntricos, egoístas, querem o melhor sempre e por isso devem amar o próximo com o mesmo afinco com que se amam”

Quem exercita o auto-amor e é altruísta, não pratica o que não quer que aconteça consigo mesmo. Ou seja, não trai, porque não quer ser traído; não rouba, porque não quer ser roubado; não mata porque não quer ser assassinado; não calunia, porque não quer ser caluniado... Enfim deseja o seu e o bem do próximo.

Deseja para o próximo o que deseja para si. Se deseja ser bem-sucedido, adquirir bens, ser reconhecido profissionalmente, ser feliz na vida sentimental/espiritual, o mesmo deseja ao próximo.

Por este motivo Deus ensina amar o próximo como a nós mesmos. Porém nosso egoísmo não deve ser aguçado a ponto de prejudicar terceiros para concretizar projetos/desejos frustrados.

Reflitam sobre a profundidade deste texto, a meu ver, o preceito mencionado, demonstra o quanto somos míseros egoístas, pois ao fundamento do auto-amor, estendemos esta manifestação restrita (ao ego), esquecendo, por vezes de olharmos o próximo com carinho, sinceridade, complacência do que fora nós mesmos.

Ser altruísta e exercitar o auto-amor é confiar, é aceitar e respeitar as diferenças individuais, é querer a felicidade alheia e contribuir para tal.

Assim seremos melhores esposas (os), pais, filhos (as), amigas (os), vizinhas (os), irmãos (as), cidadãos e construiremos um mundo melhor de viver.
http://www.artigonal.com/meditacao-artigos/ser-altruista-e-exercitar-auto-amor-572468.html

Perfil do Autor

Advogada - Especialista em Processo Civil pela Universidade de Cuiabá - Consultora Previdênciária da Agenda Assessoria.

Nenhum comentário :

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Postagens mais populares no Criança Genial

1 livro por dia - Grátis

Mudar Fonte e Tamanho da Leitura

Arquivo do blog